O Parlamento Europeu conta agora com 704 eurodeputados, após a substituição esta quarta-feira concluída dos eleitos britânicos por 27 novos membros, de 14 países da União Europeia (UE), devido ao Brexit, informou fonte europeia.

Os três eurodeputados da Holanda tornaram-se membros oficiais do Parlamento Europeu na noite passada após assinarem toda a documentação necessária e somos agora 704 ao todo, sem contar com Junqueras”, o independentista catalão detido que não será substituído, explicou à agência Lusa fonte da assembleia europeia.

A mesma fonte adiantou à Lusa que “a nova maioria absoluta é de 353” eurodeputados.

Com a entrada em funções dos eurodeputados holandeses fica, então, concluída a lista dos 27 novos parlamentares, que vão substituir os eleitos do Reino Unido após o Brexit.

Ao todo, 73 eurodeputados britânicos deixaram o Parlamento Europeu no passado dia 31 de janeiro, aquando da saída do Reino Unido da UE, sendo agora substituídos por 27 eleitos de França, Espanha, Finlândia, Irlanda, Itália, Suécia, Croácia, Eslováquia, Roménia, Dinamarca, Polónia, Estónia, Áustria e Holanda.

Os restantes assentos ficam reservados para o caso de um novo alargamento.