O Instituto Superior de Engenharia de Coimbra (ISEC) vai desenvolver cursos de formação na área da gestão de “smart cities”, tecnologia e gestão automóvel e engenharia civil, em Cabo Verde. De acordo com Mário Velindro, presidente do ISEC, os estudos deverão arrancar em abril.

Estamos a apostar nas áreas pelas quais o Governo cabo-verdiano está a enveredar, todas muito ligadas à digitalização, inovação e novas tecnologias”, salientou o responsável à agência Lusa, referindo que as formações vão envolver mais de uma centena de alunos.

Segundo o presidente do ISEC, no início do próximo ano letivo em Cabo Verde, deverá arrancar também um curso de iniciação à informática para 85 alunos com idades entre os 8 e os 11 anos, que irá replicar um curso aprovado em São Tomé e Príncipe.

Os cursos a desenvolver em Cabo Verde resultam de parcerias com a Universidade daquele país, com a Fundação Smart City CV, com o Instituto Politécnico Democracia e Desenvolvimento e com várias empresas a operar no território. Simultaneamente, são “mais uma forma de os investigadores e docentes do ISEC exercitarem a sua vocação para prestar serviços a empresas e transferirem conhecimento, colocando a ciência ao serviço das pessoas e do desenvolvimento”.

A presença do ISEC em Cabo Verde vai permitir a mobilidade de estudantes e docentes, aumentando a sua visibilidade junto dos alunos cabo-verdianos e, estamos certos, fazendo subir o número de estudantes internacionais nos nossos cursos em Coimbra”, perspetiva Mário Velindro.

Futuramente, outro dos projetos a lançar em Cabo Verde vai permitir a criação de um curso técnico de manutenção de aeronaves, em conjunto com a Sevenair e Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Cabo Verde.