Uma série de avalanches atingiu na quinta-feira uma província central do Afeganistão matando pelo menos 21 pessoas, disseram esta sexta-feira as autoridades afegãs.

De acordo com o porta-voz do ministério de gestão de desastres, Ahmad Tameem Azimi, sete pessoas continuam desaparecidas após as avalanches na província central de Daykundi na quinta-feira.

O responsável disse ainda que 10 pessoas ficaram feridas. Os 21 mortos pertenciam todos a duas famílias que viviam na localidade. Pelo menos 50 casas foram destruídas.

Ahmad Tameem Azimi acrescentou ainda que as equipas de busca e resgate continuam a trabalhar para encontrar os desaparecidos e ajudar as vítimas, admitindo que o número de mortos deve aumentar devido ao clima frio e às condições difíceis que dificultam os esforços de resgate.

Este inverno no Afeganistão foi duro, com fortes nevadas, avalanches e inundações repentinas. As mortes de quinta-feira elevam o número de mortos de avalanches e inundações no país nos últimos dois meses para 72. Muitas pessoas ficaram feridas e 2.400 casas foram destruídas desde o início do inverno.