França já vive há muito da disputa pela supremacia das vendas entre as marcas do Grupo Renault e do Grupo PSA. Se, até aqui, em cima da mesa estava apenas a liderança entre veículos com motores a combustão, o arranque de 2020 marcou o início da batalha entre os eléctricos a bateria – a novidade.

Além de proporem carros novos, nomeadamente o Peugeot e-208 e o Renault Zoe, os fabricantes não se limitaram a aprimorar as suas propostas tecnológicas, concentrando-se também em soluções comerciais mais acessíveis, tentando atrair os clientes pela carteira. Daí que as vendas de carros recarregáveis, sejam eles 100% eléctricos ou híbridos plug-in (PHEV), tenham atingido 15.440 unidades em Janeiro, mês em que representaram 11% do mercado francês e um crescimento de 227% face ao mesmo período do ano anterior.

Os veículos de passageiros eléctricos a bateria reclamaram a maioria das transacções, com 10.952 veículos e 8,16% do mercado, enquanto os PHEV cativaram 3813 novos clientes (2,84% do percentagem do mercado) e os comerciais eléctricos venderam 675 unidades. Na primeira vez que Zoe e e-208 se bateram pela liderança, o Renault venceu folgadamente, ainda que tendo a seu favor o facto de ter mais tempo no mercado, além desta nova geração ter sido introduzida cerca de um mês antes do seu rival. Ainda assim, foram vendidos 5331 Renault Zoe contra apenas 2537 Peugeot e-208.

O resto do ranking das vendas de eléctricos em França, em Janeiro, é completado pelo DS 3 Crossback E-Tense na 3ª posição, com 597 veículos. De seguida, surgem o Kia E-Niro (429), Citroën C-Zero (414), Nissan Leaf (360), Hyundai Kauai EV (248), BMW i3 (137), Skoda Citigoe iV (124) e Tesla Model 3 (124). Entre os veículos comerciais eléctricos, o Renault Kangoo foi o mais vendido em Janeiro (193 unidades), seguido do Zoe (140), e-208 (107), Nissan EV200 (82), Citroën Berlingo (38) e Peugeot Partner (34).

Entre os PHEV, o líder do mercado foi o Peugeot 3008, com 884 unidades, à frente do DS7 Crossback (551), Peugeot 508 (478), Porsche Cayenne (220), Volvo XC60 (200), Opel Grandland X (161), Mini Countryman (132), Mitsubishi Outlander (119), Range Rover Sport (110), BMW X3 (107) e Kia Niro (107).