No que toca à música britânica, não há noite que bata a dos Brit Awards. Nesta terça-feira, a cerimónia juntou dezenas de estrelas na The O2, em Londres, a começar pela passadeira vermelha. Lizzo vestiu-se literalmente de tablete de chocolate (ou terá sido de pacote de chocolate em pó), numa criação provocadora de Jeremy Scott para a Moschino. Não contentes, cantora e designer ainda chegaram a uma clutch, essa sim em forma de tablete, que a norte-americana ameaçou mordiscar enquanto pousava para os fotógrafos.

Mas a festa fez-se desta e de outras excentricidades. A cantora e compositora Anne-Marie surgiu de cabelo e a usar vestido cor-de-rosa com um grande laço em seda. Infelizmente, o modelito mais parecia o traje de Marie Antoinette, mas numa versão disfarce de Carnaval sexy. Billie Eilish foi fiel ao seu próprio estilo, vestida de Burberry dos pés à cabeça, enquanto Ellie Goulding protagonizou um dos visuais mais arrojados da noite, sobretudo quando vista de perfil.

Entre as atuações da noite destacaram-se as de Billie Eilish, Rod Stewart, Lizzo e Harry Styles, entre outros. Na fotogaleria, veja os looks das estrelas na passadeira vermelha. Abaixo, saiba quem foram os vencedores da noite:

Artista Masculino a Solo: Stormzy
Artista Feminino a Solo: Mabel
Canção do Ano: “Someone You Loved”, Lewis Capaldi
Melhor Grupo: Foals
Melhor Artista Revelação: Lewis Capaldi
Álbum do Ano: Psychodrama, Dave
Artista Internacional Masculino a Solo: Tyler, the Creator
Artista Internacional Feminino a Solo: Billie Eilish