Os boletins roubados do Placard vão ser bloqueados a partir desta segunda-feira, no sentido de reforçar a segurança, identificar todos os talões daquele jogo social e proteger os apostadores e mediadores, anunciaram os Jogos Santa Casa.

“O Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (DJSCML) decidiu aplicar uma medida de exceção, no sentido de dissuadir este tipo de furtos tendo em conta a proteção dos apostadores e mediadores”, pode ler-se numa nota.

Esta medida vem sequência de “notícias recentes sobre roubos de talões de apostas registadas no Placard”.

Os Jogos Santa Casa acrescentam que estão a reforçar a segurança e que, com este procedimento, haverá uma maior colaboração com as autoridades policiais.

Numa nota no Facebook, o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis) aconselhou os mediadores autorizados pelo departamento de jogos “a ter cuidado e desconfiar no registo de apostas Placard com valores monetários elevados, de modo a receber essa quantia antes de entregar o respetivo bilhete”.

A polícia lembrou que devem ser ainda tomadas medidas de autoproteção para evitar este tipo de crime.