Todos os funcionários da Volkswagen abrangidos por acordos de negociação colectiva vão receber um bónus de 4950€ brutos, como prémio pelo seu desempenho. Em comunicado, a marca alemã realça que o valor também leva em linha de conta os resultados da Volkswagen Veículos Comerciais.

Os trabalhadores que usufruem do acordo colectivo já receberam 1.690,50€ brutos juntamente com o salário de Novembro, pelo que a restante verba (3.259,50€) chegar-lhes-á com o vencimento de Maio próximo.

Os funcionários da Volkswagen voltaram a dar provas de um forte desempenho em 2019. Eles deram um importante contributo para o sucesso comercial da marca. Com este bónus, queremos agradecer-lhes a sua dedicação e permitir que cada trabalhador faça parte do sucesso da empresa”, afirmou o CEO da Volkswagen, Herbert Diess.

Por seu turno, Gunnar Kilian, membro do conselho de Recursos Humanos da Volkswagen, prefere concentrar-se no que está por vir. Incluindo o efeito do coronavírus. Segundo ele, o bónus agora divulgado “reflecte o sucesso de 2019”, ano em que as vendas globais da marca subiram 2,6%, apesar da desaceleração da procura. Contudo, as perspectivas para os próximos tempos recomendam estimativas mais contidas. “Para 2020, é óbvio que as expectativas podem ser mais limitadas”, disse Kilian, fazendo desde já notar que “o coronavírus e a economia” farão com que o fabricante de Wolfsburg tenha pela frente “um ano altamente desafiador”. Isto numa fase de transição para a mobilidade eléctrica, a que será necessário dar resposta com “dedicação, flexibilidade e eficiência”.