O capitão Tom Moore, o veterano da Segunda Guerra Mundial que conseguiu angariar várias dezenas de milhões de libras para o Serviço Nacional de Saúde britânico (NHS, na sigla original) a partir do jardim de sua casa, vai escrever as suas memórias e ainda um livro para crianças, que serão lançados por duas das chancelas da Penguin, a Michael Joseph e a Puffin, respetivamente.

Segundo a revista The Bookseller, eram várias as editoras britânicas interessadas em publicar a autobiografia do capitão, mas foi a Penguin Random House que acabou por vencer a corrida. O negócio terá envolvido 1,5 milhões de libras (1,7 milhões de euros), de acordo com o adiantado pelo The Sun, e os lucros irão reverter para a Captain Tom Foundation, recentemente criada com o objetivo de inspirar esperança em todos os que precisam, refere a The Bookseller.

Segundo a informação divulgada pela Penguin Random House, o livro de memórias, intitulado Tomorrow Will Be a Good Day (Amanhã Será um Bom Dia), irá “contar a sua vida dramática e distinta”, incluindo como o espírito do agora coronel Tom Moore “foi forjado nos campos de batalha da Birmânia, como participou em competições de motociclismo e como viajou até aos Himalaias nos anos 90, simplesmente porque nunca lá tinha ido”.

A autobiografia irá também relatar os episódios mais recentes da vida do capitão Tom, que conseguiu angariar 32 milhões de libras para o NHS ao prometer que daria 100 voltas ao jardim de sua casa com a ajuda do seu andarilho. A iniciativa do veterano de guerra tornou-o num herói nacional. Quando celebrou o seu 100º aniversário, no final do mês de abril, o país inteiro juntou-se para lhe dar os parabéns — aviões da Força Aérea Real sobrevoaram a sua casa e 140 mil postais foram enviados para a sua residência.

Capitão Tom Moore, perdão Coronel Moore, faz 100 anos. Novo herói nacional recebeu 140 mil postais (um deles da Rainha)

O livro de memórias será lançado primeiro em capa dura, uma prática usual no Reino Unido, no dia 17 de setembro deste ano. O livro para crianças, uma adaptação da história de vida de Tom Moore para os mais pequenos, sairá depois, a 1 de outubro.