Há menos 21 mil empresas a pedir a renovação das medidas de lay off aprovadas pelo Governo para fazer face à crise. “No pedido inicial, tínhamos cerca de 110 mil, neste momento temos 89 mil que pediram a prorrogação”, revelou a ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho, em entrevista à Antena 1. A ministra entende que estes valores refletem “a retoma da atividade”.

A ministra revela ainda que foram pagos até ao momento pelo Estado 580 milhões de euros em apoios nos lay off, diz não temer o aumento acentuado do desemprego, porque o número de novos desempregados tem apresentado “uma curva descendente” — com 28 mil novos desempregados em março e 48 mil em abril, desacelerando depois para 16 mil em maio.

Nesta entrevista, Ana Mendes Godinho sublinha que o governo vai avançar com um pacote de 180 milhões de euros para incentivos diretos à contratação e para requalificação de trabalhadores e diz que espera ter pronto ainda esta semana o simplex para os lares, que permita de forma simples licenciar lares clandestinos.