Numa altura em que está no sétimo lugar, a seis pontos da última vaga de acesso para a Liga dos Campeões e depois de uma época altamente irregular que incluiu uma troca de treinador, o Arsenal já prepara a próxima temporada. Uma temporada que terá, ao que tudo indica, Mikel Arteta no banco de suplentes e onde as principais decisões estão relacionadas com quem fica, quem sai e quem entra no plantel. E sobre este tópico, nos últimos dias, têm surgido várias possibilidades.

Logo à partida, Dani Ceballos. O médio perdeu espaço no onze ao longo da época, depois de ter sido um dos grandes destaques quando Unai Emery ainda estava no Emirates, mas é um dos elementos que Arteta considera prioritários para o futuro. Problema? Ceballos está no Arsenal a título de empréstimo do Real Madrid e o prolongamento da estadia do espanhol em Londres implica uma negociação complicada com os merengues.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.