A PSP deteve cinco pessoas no âmbito de uma operação de combate ao furto e desmantelamento de viaturas em seis concelhos da região Norte, informou esta terça-feira o Comando Metropolitano do Porto daquela força policial.

A operação, descrita pela polícia como sendo “de grande envergadura”, teve o seu início em 2019 e foi concluída na segunda-feira, tendo como propósito “a identificação e detenção de indivíduos que de forma organizada se dedicavam à prática da atividade criminosa associada ao furto e desmantelamento de viaturas”.

Os crimes eram praticados nos concelhos de Santa Maria da Feira (distrito de Aveiro), Paredes, Felgueiras e Marco de Canaveses (Porto), Braga e Guimarães (Braga). Em três destes concelhos – Paredes, Braga e Guimarães – residem os cinco detidos, homens com idades entre 29 e 64 anos de idade.

A operação incluiu a realização de nove buscas em habitações, sete em oficinas e sucatas e 14 em veículos. A PSP apreendeu três veículos, um dos quais parcialmente desmantelado, chapas de matrícula de um automóvel dado como furtado, peças e componentes automóveis, ferramentas mecânicas e de corte, bem como guias de transporte de território nacional com destino a Marrocos, com passagem por Algeciras-Espanha.

Em comunicado, a PSP explica que a ação policial agora anunciada desenvolveu-se no seguimento de una outra, consumada em junho de 2019, “que visou um grupo organizado de indivíduos cujo modo de vida se centra no furto de veículos, ligeiros de mercadorias, maioritariamente de marca Toyota, modelo Hilux, ou Mitsubishi, com o escopro do seu desmantelamento, tendo como destino o estrangeiro, nomeadamente Marrocos”.