O Corolla é o modelo mais popular da Toyota em todo o mundo, pelo que era uma questão de tempo até que surgisse uma versão SUV deste best-seller, mais alto, mais volumoso e com um espírito mais aventureiro. E aqui está ele. A marca japonesa apresentou-o esta semana na Tailândia, onde vai ser fabricado, para já para abastecer o país, para de seguida começar a ser enviado para outros mercados asiáticos.

É certo que oferecer cinco SUV entre os 4,2 e os 4,9 metros pode baralhar o consumidor, especialmente porque quatro deles se distribuem por apenas 40 centímetros, entre 4,2 e 4,6 m. Talvez por isso, o importador da marca para o nosso país avançou que não é provável que o Corolla Cross venha a ser oferecido aos condutores portugueses, ou aos outros mercados europeus, uma vez que deverá permanecer exclusivo dos mercados emergentes.

4 fotos

O Corolla Cross tem 4,46m de comprimento, com 2,64m entre eixos, exactamente a mesma distância do C-HR e do Corolla, ou não recorressem todos à mesma plataforma, a TGNA-C da Toyota. Isto ajuda a reduzir os custos e a propor um SUV por valores contidos.

Em termos de mecânica, o Corolla Cross deita mão à solução híbrida da Toyota, não com o 1.5 ou o 2.5, mas sim com a versão intermédia, ou seja, com o motor de combustão 1.8 atmosférico a gasolina, com 98 cv e 142 Nm. Este é ajudado por uma unidade eléctrica com 72 cv e 163 Nm. No total, são 122 cv.