O Sporting emitiu este domingo um comunicado com a nota de pesar pela atleta Ana Oliveira, jogadora júnior de basquetebol dos leões desde 2014 que morreu esta sexta-feira, vítima de atropelamento. Tinha 18 anos.

“O Sporting Clube de Portugal manifesta o seu pesar pela morte de Ana Oliveira, basquetebolista do Clube, que faleceu na sequência de um atropelamento de que foi vítima, em Lisboa, na passada sexta-feira. Ana Oliveira tinha apenas 18 anos, jogava na equipa Sub-19 do Sporting e estava no clube há seis anos”, anunciou.

“Aos familiares e amigos, assim como a toda a modalidade verde e branca, o Sporting endereça as mais sentidas condolências, não deixando de enaltecer e agradecer os anos de dedicação e devoção ao clube”, acrescentou.

A notícia do trágico falecimento tinha começado a ser partilhada na noite deste sábado, entre algumas das pessoas mais próximas da secção de basquetebol verde e branco que, já este ano, tinha perdido Luís Abreu, de 40 anos, ex-técnico da equipa sénior feminina que estava até à paragem nas competições a treinar o Terceira Basket.

Treinador de basquetebol Luís Abreu morre aos 40 anos

“A vida é mesmo injusta! A Ana era uma miúda cheia de vida, alegre, lutadora, cordial e respeitadora, sempre com vontade de fazer mais e melhor. Lembro-me de a levar ao hospital depois de abrir o sobrolho após uma bola dividida (a Ana não dava uma por perdida!) e a caminho me dizer “Será que vou ter que levar pontos? Mas amanhã vou ao campo!”. Teve mesmo que levar três ou quando pontos mas quando a médica lhe disse que amanhã era melhor descansar, retorquiu imediatamente “Eu amanhã vou ao campo, doutora!”. E foi! Com o olho inchado e joelho esfolado, continuou a lutar por todas as bolas divididas. Ganhou o prémio dedicação nesse ano, porque era um exemplo de esforço, empenho e superação”, recordou Sérgio Ramos, antigo internacional português que é hoje treinador do Belenenses e líder da Associação de Treinadores de Basquetebol.

“É com pesar que tomamos conhecimento do falecimento da Ana Oliveira, atleta das Sub-19 do Sporting, com quem várias vezes partilhámos o campo e as tabelas, vítima de atropelamento. A SIMECQ envia as mais sentidas condolências a familiares, amigos e a todos os que com ela se cruzaram por via do basquetebol”, escreveu também o clube da Cruz Quebrada.