A pandemia de Covid-19 já custou até ao momento uma perda de receita de dois milhões de euros à Universidade de Lisboa, adiantou à Lusa o reitor António Cruz Serra, que admite uma “situação muito complicada” na universidade.

A situação é muito complicada por causa da pandemia. As pessoas não estão a perceber que as universidades estão a perder uma enorme quantidade de receita”, disse Cruz Serra.

Manter em funcionamento as cantinas, com todas as despesas associadas, sem que se vendam quaisquer refeições, a abertura e manutenção dos jardins botânicos e dos museus, assim como do estádio universitário, sem qualquer receita neste momento, representa o suportar de custos avultados para a instituição, explicou o reitor.

São mais de dois milhões de euros de diferença entre receita e despesa. Só até agora, e isto admitindo que as coisas a partir de setembro/outubro melhoram um bocadinho”, disse, adiantando que a universidade está a trabalhar no modelo de funcionamento do próximo ano letivo, que deverá ser misto e não integralmente presencial, pelo que a recuperação de atividade não será total.