A plataforma Portugal Health Passport vai passar a estar disponível a todos os turistas que visitem Portugal, assegurando a possibilidade do teste à Covid-19 e acesso a cuidados em serviços de saúde privados, anunciou esta segunda-feira o Health Cluster Portugal.

Numa nota enviada às redações, a organização promotora desta plataforma, em articulação com o Turismo de Portugal, defende a mais-valia do Portugal Health Passport na revitalização do setor turístico e a importância da saúde enquanto vetor da estratégia Turismo 2027, que poderá representar um volume anual de negócios superior a 100 milhões de euros.

A prática clínica em Portugal é já uma referência internacional entre pares. Este é o momento para que esta perceção seja também transversal à população. A reposta que demos no pico da pandemia deu-nos destaque internacional, que garante segurança a quem nos visita”, afirmou o diretor executivo do Health Cluster Portugal, Joaquim Cunha.

Os turistas podem solicitar o documento através do site www.portugalhealthpassport.com, que inclui a possível realização do teste ao novo coronavírus, bem como o acesso – a preços previamente fixados – de cuidados de saúde e check-ups de cinco tipologias na rede de hospitais e clínicas da CUF, Hospital da Luz, HPA Saúde e Lusíadas.

Para o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, esta iniciativa é sinónimo do reforço de “uma oferta turística que observa rigorosos protocolos de higiene e controlo sanitário “Clean & Safe” e que, complementarmente, apresenta uma oferta de serviços médicos e hospitalares de elevada qualidade”, contribuindo, assim, para “restabelecer a confiança dos turistas e impulsionar a retoma do setor”.