O português Nicolau Von Rupp está entre os 10 nomeados para o melhor desempenho em ondas gigantes da Liga Mundial de Surf (WSL), e há nove ondas surfadas na Nazaré candidatas a prémios, anunciou esta segunda-feira a entidade.

O surfista de 29 anos, da Praia Grande, Sintra, enfrenta a concorrência do australiano Russell Bierke, do brasileiro Lucas Chianca, dos havaianos Nathan Florence, Billy Kemper, Kai Lenny, Eli Olson e Ian Walsh, do inglês Tom Lowe e do sul-africano Grant Baker, com o vencedor do prémio que distingue o melhor atleta na temporada de 2019/20 de ondas gigantes, a ser anunciado a 10 de agosto.

Já na categoria da maior onda surfada, a Praia do Norte, na Nazaré, conta com sete do total de oito nomeações (cinco ondas feitas por atletas masculinos e três por atletas femininas), com a praia de Jaws, no Havai, a ser a única exceção.

A WSL destacou, em comunicado, que é provável que se venha a reconhecer um novo recorde mundial, oficializado pelo Guinness World Records, da maior onda surfada por uma atleta, com a brasileira Maya Gabeira e a francesa Justine Dupont em luta com ondas completadas na Nazaré.

O ‘canhão’ nazareno também marca presença na categoria da queda do ano, desta feita, protagonizada pelo brasileiro Felipe Cesarano. E também há uma nomeação para a Praia do Norte na categoria de melhor onda, da francesa Justine Dupont.

Este ano, devido às restrições impostas pela pandemia de Covid-19, em vez da habitual cerimónia anual (em 2019 foi na Califórnia, Estados Unidos), os vencedores dos diferentes prémios vão ser anunciados pela WSL através da internet entre os dias 20 de julho e 24 de agosto.