Um homem armado e com explosivos sequestrou esta quinta-feira um autocarro com cerca de 20 pessoas a bordo na cidade de Lutsk, no noroeste da Ucrânia, informaram a comunicação social local e as autoridades policiais.

A polícia isolou o centro da cidade, 400 quilómetros a oeste de Kiev, a capital. O autocarro, com as cortinas fechadas, está na praça do Teatro de Lutsk, segundo o portal de notícias ucraniano korrespondent.net.

Os agentes da polícia estão a tentar entrar em contacto com o sequestrador, depois de já o terem identificado e disseram que expressou a frustração com o “sistema ucraniano” nas redes sociais.

A imprensa ucraniana informou que foram ouvidos tiros no local, mas não ficou imediatamente claro se há feridos. Neste momento desconhece-se se o sequestrador apresentou algum tipo de exigências. O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse que o homem tomou o controlo do autocarro pelas 09h25, hora local (07h25, em Lisboa).

“Foram ouvidos tiros e o autocarro está danificado”, afirmou Zelensky nas redes sociais, acrescentando que estão a ser tomadas medidas para resolver a situação.