A aplicação de entrega de produtos ao domicílio Glovo acelerou a sua expansão em Portugal com a entrada em mais de 50 novas localidades, em dois meses, anunciou a empresa em comunicado. Ao todo, a aplicação espanhola está disponível em 90 localidades portuguesas.

“Os resultados alcançados são fruto de um trabalho intenso e de um foco muito grande em chegar a cada vez mais portugueses. Este crescimento deixa-nos tremendamente satisfeitos e permite-nos consolidar a nossa operação em Portugal, oferecendo  aos restaurantes que dispõem de estafetas e serviços de entrega a possibilidade de utilizarem a app da Glovo”, afirma Ricardo Batista, responsável pela gestão do mercado português da Glovo.

Além de restaurantes, a Glovo entrega ao domicílio mercearias, produtos de parafarmácia, medicamentos sem necessidade de receita médica e outros produtos de categorias como eletrónica, acessórios de cozinha, escritório, jogos para consolas, pequenos electrodomésticos, entre outros. A opção “Qualquer coisa” permite aos utilizadores pedirem o que quiserem, na condição de que o pedido seja efetuado numa zona geográfica onde a Glovo opera.

Fundada em 2015 em Barcelona, a startup espanhola permite aos utilizadores comprar, enviar e receber produtos dentro da mesma cidade, com recurso a estafetas. Tem mais de 9 milhões de utilizadores e mais de 55.000 parceiros associados em mais de 650 cidades de 22 países em todo o mundo. Está disponível em Lisboa desde outubro de 2017 e no Porto desde março de 2018.