A GNR constituiu arguido um homem de 71 anos por maus-tratos a animal de companhia em Pevidém, Guimarães, e apreendeu-lhe duas armas, anunciou esta segunda-feira aquela força.

Em comunicado, a GNR refere que o suspeito terá feito disparos de uma arma de fogo contra um cão.

No seguimento das diligências policiais, a GNR deu cumprimento a um mandado de busca domiciliária que permitiu apreender armas e munições, bem como detetar aves que não podem estar em cativeiro, tendo sido elaborados três autos de contraordenação por posse ilegal de espécies autóctones e cinegéticas.

Além de uma espingarda de caça e de uma arma de ar comprimido, a GNR apreendeu ainda 88 munições, 50 chumbos, três gaios, dois melros e duas pegas.

Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Guimarães.