A Câmara de Aveiro (PSD/CDS) decidiu esta quinta-feira adjudicar por quase 1,5 milhões de euros a empreitada para a realização das obras de renovação do Teatro Aveirense, informou a autarquia.

Segundo a Câmara, a empreitada tem um prazo de execução de sete meses, visando intervir de forma generalizada na conservação das infraestruturas, equipamentos e organização funcional.

A opção de renovar o Teatro, de acordo com a autarquia, “decorre da necessidade da realização de algumas intervenções no edifício, face à utilização intensiva e à ausência de ações de manutenção e de renovação desde a última grande intervenção de reabilitação, em 2003”.

A área de intervenção é todo o edifício, e constará duma revisão geral do estado de conservação, aos elementos construtivos, às redes de infraestruturas, a todos os equipamentos mecânicos e à sua organização funcional”, refere a autarquia.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O Teatro Aveirense foi inaugurado em 1881 pela Companhia de Teatro Nacional de D. Maria II.

A atividade interrompeu-se em 1947 e, depois de profundas obras de remodelação e adaptação, o Teatro reiniciou a sua atividade em finais de 1949.

Em 1998, a Câmara decidiu adquirir o Teatro que dois anos depois encerrou as suas portas para dar lugar às obras de vulto para modernização do espaço e equipamentos, vindo a reabrir ao público no dia 23 de outubro de 2003.

Este é um teatro pertencente à Rede Nacional de Teatro e Cine-Teatros apoiado em 75% pelo III Quadro Comunitário – Programa Operacional de Cultura – e em 25% pela autarquia.