Soul Garden

Hotel Conrinthia, Avenida José Malhoa, Lisboa. De segunda-feira a domingo, das 12h às 23h

Para quem quer retomar o velho hábito do copo ao fim do dia: eis a prova de que até um dos hotéis mais monumentais da capital conseguiu dar a volta à pandemia. O Soul Garden, restaurante no exterior do Corinthia, reabriu a 1 de julho e com uns quantos retoques na carta. A ementa, da responsabilidade do chef Miguel Teixeira, é uma combinação de sugestões para partilhar — tártaro de novilho, ceviche de dourada e gambas com chili e citronela, entre outras –, inspirações do Oriente, que incluem tataki de atum, bife thai e vieira com vinagrete de Yuzu, e ainda uma seleção de tempuras e saladas. A combinar com o ambiente ao estilo oásis, repleto de plantas, a carta de cocktails é só por si um atrativo, garantia da bartender Nadia Rôlo. Todas as noites e finais de tarde, há música a agitar os ânimos. Durante a semana, os DJs percorrem jazz, bossa nova, funk e disco. Só falta mesmo a pista de dança.

© JACK HARDY

Reabertura da Sé de Lisboa

Largo da Sé, Lisboa. De segunda-feira a sábado, das 10h às 12h30 e das 13h30 às 17h30. Entrada: 4 euros (a partir dos 12 anos)

Para matar saudades do património: a Sé de Lisboa já está de portas abertas a todos os que quiserem fazer-lhe uma visita. Depois de uma espécie de soft reopening, apenas com visitas guiadas para grupos e com marcação prévia, desde o último fim de semana que a igreja mais antiga de Lisboa está a aceitar todos os visitantes. Sem reservas mas com todos os cuidados, o espaço está agora equipado com percursos assinaladas, pontos de desinfeção de mãos e com uma regra de ouro: o uso de máscara. Entre os espaços que podem ser visitados estão o Tesouro (onde se encontra a custódia da Sé), o coro alto, as capelas, as naves e o deambulatório.

Lisbonne, Portugal

© Bruno PEROUSSE/Gamma-Rapho via Getty Images

Epur à Janela

Largo da Academia Nacional de Belas Artes, 14, Lisboa. De quinta-feira a sábado, das 16h às 19h

Para quem gosta de comer com as mãos: quase um mês depois de reabrir as portas o Epur, restaurante do chefe Vincent Farges, volta-se para o largo lisboeta. Os petiscos são servidos à janela, num balcão virado para a rua, e fazem parte de uma nova ementa, dedicada aos convívios de final de tarde e, claro, a quem não resiste a finger food. Das ostras da Ria Formosa aos croquetes de carnes, passando pelos torricados de pezinhos e orelha, trufas e presunto, é aproveitar a janela que esta cozinha com uma estrela Michelin abre para a cidade. Os preços da nova carta vão dos 3,5 aos 18 euros.

© Divulgação

“Corpo Radial”, de Mariana Caló e Francisco Queimadela

Galeria da Boavista, Rua da Boavista, 50, Lisboa. De terça-feira a domingo, das 14h30 às 19h

Para veraneantes que não perdem de vista a agenda cultural: a Galeria da Boavista já reabriu e com ela uma nova exposição. “Corpo Radial” explora a mnemotecnia, arte de cultivar a memória conhecida desde a Grécia Antiga. Para tal, a dupla Mariana Caló e Francisco Queimadela criaram uma atmosfera de cor e luz intensas, sem fugir aos suportes que habitualmente exploram, entre eles a imagem-movimento e a instalação ( a nova exposição apresenta uma concebida especialmente para o espaço), mas também o desenho, a pintura e a fotografia. A exposição pode ser visitada até dia 1 de novembro.

© Divulgação

Reabertura das Caves Ferreira

Avenida Ramos Pinto, 70, Vila Nova de Gaia. De segunda-feira a domingo, das 10h às 18h. Entrada: entre 14 e 23 euros

Para enoturistas inveterados: há cerca de um ano, as históricas caves de vinho do Porto entraram em obras. A reabertura acontece agora e com novas atrações. A casa de Dona Antónia é um dos novos espaços, onde documentos evocam a vida e a obra desta matriarca e empresária. Imagens e objetos antigos foram incluídos no circuito expositivo, enquanto histórias dos últimos três séculos satisfazem a curiosidade em torno dos famosos vintage. Todas as visitas acabam da mesa forma, com uma prova dos néctares da casa. Os valores por pessoa variam entre 14, 17 e 23, em função do número de vinhos incluídos na degustação — dois, três e cinco, respetivamente. Aos domingos de manhã, as visitas guiadas são gratuitas. Em qualquer uma das situações, é necessário reservar.

© Divulgação

Summer Market Cirelle

Casa da Arquitectura, Avenida Menéres, 456, Matosinhos. Sábado, das 10h às 19h

Para as últimas compras de verão: a nova edição estival do Cirelle Market já tem data marcada e vai acontecer ao vivo e a cores. Marcado para o próximo sábado, o evento conta com mais de 50 marcas nacionais e vai realizar-se num espaço ao ar livre de forma a facilitar o cumprimento de todas as normas de higiene e segurança. Da moda à joalharia, do vestuário de criança à decoração, as compras são só parte do programa. Algumas bancas vão assegurar comes, bebes e algumas guloseimas. A rubrica Blogger’s Closet também está de volta, desta vez com peças de Sara Rodrigues, Bárbara Marques, Mafalda Carvalho (a anfitriã) e Raquel Dias. A entrada é gratuita.

© Divulgação

Therapist Grab & Go

Lx Factory, Lisboa. De segunda a quarta-feira, das 9h30 às 19h, e de quinta-feira a domingo, das 9h30 às 22h

Para adeptos de uma alimentação saudável: a quarentena serviu muitos propósitos e alguns negócios acabaram mesmo por aproveitar esta paragem forçada para reformularem a oferta. Foi o caso do Therapist, restaurante que abriu portas na Lx Factory há mais de três anos, mas que reabriu no dia 1 de junho com uma ementa novinha em folha. O chamado “flexiterianismo” é um ponto comum entre as várias receitas, tal como a preocupação em usar produtos sazonais e locais e em proporcionar uma dieta saudável e sem excessos. As novas receitas foram preparadas com a ajuda de Amábile Kolenda, uma entendida na matéria e, claro, as mudanças refletiram-se também no espaço e na loja, que vende alguns dos ingredientes da casa. Mais recentemente, o Therapist lançou quatro menus pensados para takeaway — Detow, Power, Immunity e Mind. Também são receitas saudáveis, mas estas vêm dentro de uma caixa.

© Divulgação

PortoCartoon

Alameda Shop & Spot, Rua dos Campeões Europeus, Porto. De segunda-feira a sábado, das 9h à 1h

Para mais do que uma ida às compras: o mês de agosto é dedicado ao Secretário-Geral da ONU António Guterres, no Alameda Shop & Spot. No âmbito da 14ª edição do PortoCartoon, este centro comercial portuense expõe mais de 30 caricaturas do político e diplomata português, incluindo o trabalho de António Santos (na imagem) que conquistou o primeiro lugar nesta competição. Os cartoons podem ser vistos até ao final do mês.

© António Santos

“Nunca mais é sábado” é uma rubrica que reúne as melhores sugestões para aproveitar o fim de semana.