Jack Sherman, ex-guitarrista da banda de rock californiana Red Hot Chili Peppers, morreu aos 64 anos, anunciou este sábado o grupo no Twitter.

“A família Red Hot Chili Peppers deseja a Jack Sherman uma agradável viagem para o outro mundo, pois morreu. Jack tocou no nosso primeiro álbum e participou na nossa primeira digressão pelos Estados Unidos da América”, escreveu a banda, sem revelar a causa da morte. “Era uma pessoa única e agradecemos-lhe por todos os momentos bons, maus e normais. Paz no momento da partida.”

Sherman juntou-se ao grupo em 1983, com quem gravou o primeiro álbum Red Hot Chili Peppers, em 1984, e escreveu várias das canções do segundo álbum Freaky Styley, antes de sair em 1985. Posteriormente, colaborou com o grupo em discos como Mother’s Milk, de 1989, além de ter trabalhado com Bob Dylan no álbum Knocked Out Loaded, de 1986, assim como em várias obras de George Clinton.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Com êxitos como “Give it away” ou “Californication”, os Red Chili Peppers venderam mais de 80 milhões de discos e, em 2012, foram incluídos no Rock and Rol Hall of Fame.