Três homens com idades entre os 32 e 58 anos foram detidos pelo Comando Territorial do Porto da GNR, em Felgueiras, por condução sob o efeito do álcool numa concentração de tunning, anunciou esta segunda-feira a Guarda

Em comunicado, a GNR informou que as detenções ocorridas no sábado surgiram na sequência de “várias denúncias” de “concentração de veículos com alterações às características construtivas, vulgo tunning, no concelho de Felgueiras” em local “também conotado com o consumo de estupefacientes e posse de armas de fogo”.

A ação da Guarda, lê-se ainda na nota de imprensa, visou “prevenir, detetar e reprimir comportamentos de risco que possam pôr em causa a segurança rodoviária e dos demais utentes das vias”, tendo no decorrer da operação sido “fiscalizados 118 condutores”.

Dessa ação resultaram “três detidos, com idades entre os 32 e os 58 anos, por condução de veículo com taxa de álcool no sangue superior a 1,2 gramas por litro” e “quatro veículos foram apreendidos por alteração às características”,

“Quatro contraordenações por condução sob efeito do álcool e 38 autos de contraordenação referentes ao Código da Estrada” completaram o leque de intervenções reportadas pelos militares da GNR. Os detidos “foram constituídos arguidos e os factos comunicados ao Tribunal Judicial de Felgueiras“, menciona o comunicado.

“Em reforço ao Destacamento de Trânsito de Penafiel, foram empenhados um total de 41 militares de várias subunidades do Comando Territorial do Porto, nomeadamente do Destacamento de Trânsito do Porto, do Destacamento Territorial de Felgueiras e do Destacamento de Intervenção do Porto. A operação contou ainda com o apoio do Instituto da Mobilidade e dos Transportes”, completou a nota de imprensa.