O ator Dwayne Johnson e a família — a mulher Lauren Hashian e as filhas Jasmine e Tiana — estão a recuperar depois de terem testado positivo para a Covid-19. Num longo vídeo publicado no Instagram, com uma duração de 11 minutos, a estrela diz que este tem sido um dos maiores desafios que já enfrentaram enquanto família. “Testar positivo para a Covid-19 é muito diferente de recuperar de ferimentos graves, de ser despejado ou de ir à falência, coisas pelas quais já passei algumas vezes”, diz o ator de 48 anos.

A dificuldade acrescida, continua, é o facto de a principal prioridade ser proteger a família, pelo que equipara a presente situação a “um murro no estômago”. Apesar disso, Johnson e a família encontram-se bem, a recuperar e já não estão contagiosos: as meninas tiveram apenas dor de garganta, embora tenha sido mais custoso para os adultos. Não obstante, o ator faz questão de referir que alguns dos melhores amigos perderam os pais, entre outros entes queridos, para o “vírus que é incrivelmente implacável”.

O ator, mais conhecido por “The Rock”, admite que contraiu o vírus através de amigos da família que estão “devastados” por terem ajudado a propagar a Covid-19, motivo pelo qual apela aos fãs a usarem máscara e a serem “disciplinados”. “Não sou um político, sou um homem que se preocupa profundamente com a sua família e que vai fazer de tudo para a proteger, e também um homem que se preocupa com todos vocês.”