A GNR anunciou esta quinta-feira ter detido um homem, de 57 anos, suspeito da autoria de um crime de incêndio florestal no concelho de Viseu, na quinta-feira.

Após informação de que o indivíduo teria provocado um foco de incêndio, imediatamente apagado por outras pessoas, os militares da guarda deslocaram-se ao local e constataram que o suspeito se encontrava a tentar atear novo foco, tendo sido detido no momento”, refere a GNR, em comunicado.

A GNR apreendeu “uma caixa de fósforos e uma placa de esferovite, usadas para acender e provocar o incêndio”. A ação contou com o reforço do Núcleo de Proteção Ambiental de Viseu.