O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, considerou esta terça-feira”um direito” a candidatura às presidenciais da ex-eurodeputada socialista Ana Gomes e afirmou que os comunistas apresentam o seu candidato em 12 de setembro.

É o exercício de “um direito” constitucional de Ana Gomes, resumiu Jerónimo de Sousa, em declarações aos jornalistas, depois de uma visita à escola António Arroio, em Lisboa, em vésperas de abertura do ano letivo.

O líder comunista, que já concorreu por duas vezes à Presidência da República, excluiu voltar a concorrer e afirmou que “esta semana ou na próxima” os comunistas anunciam o seu “candidato ou candidata” às próximas presidenciais.

A reunião do comité central do PCP para decidir o candidato às presidenciais está prevista para dia 12 de setembro, confirmou à Lusa um membro da direção do partido.