O Banco Central Europeu (BCE) indicou esta terça-feira que vai comprar e aceitar obrigações verdes vinculadas a objetivos de sustentabilidade como garantia nas suas operações de refinanciamento a partir de janeiro de 2021.

Segundo o BCE, estes títulos verdes com objetivos ligados ao ambiente serão aceites nos dois programas de compra de dívida que estão a ser aplicados neste momento para estimular a economia. No futuro, as aquisições podem vir a ser alargadas se as empresas emitirem mais.

Os cupões destas obrigações devem estar vinculados ao cumprimento de um ou mais objetivos ambientais estabelecidos nas regulamentações da União Europeia ou das Nações Unidas em relação a alterações climáticas ou degradação ambiental, indicou a instituição. Deste modo, o BCE e os bancos centrais apoiam “a inovação na área das finanças sustentáveis”.

O BCE compra obrigações verdes desde março de 2016, quando a emissão destes títulos aumentou rapidamente.

A emissão global de obrigações verdes era inferior a 1.000 milhões de euros em 2008, mas em 2017 alcançou 120.000 milhões de euros, segundo números do BCE.