O fundo de investimento sueco EQT IX notificou a Autoridade da Concorrência (AdC) da compra do controlo exclusivo sobre o portal de anúncios classificados imobiliários idealista, revela um aviso esta segunda-feira publicado.

A operação de concentração, notificada à AdC na quinta-feira, e publicada na sua págian de internet, consiste na aquisição do controlo exclusivo por um fundo de investimento gerido pela EQT Fund Management sobre a Idealista Internacional.

A compra do portal de anúncios com sede em Espanha, e presente também em Portugal e Itália, representa um investimento de 1,3 mil milhões de euros, segundo revelou o fundo há cerca de três semanas em comunicado. “O mercado subjacente em que opera o idealista está a ser impulsionado por megatendências favoráveis a longo prazo”, afirmou na altura o fundo sueco em comunicado.

A plataforma de anúncios imobiliários, fundada em 2000 e com sede em Madrid, dá apoio aproximadamente a 40.000 agentes imobiliários e tem 38 milhões de visitantes por mês no sul da Europa, segundo números fornecidos pela EQT.

“O idealista representa para a EQT um investimento estratégico, que se enquadra perfeitamente na abordagem da EQT de investir em empresas de elevado crescimento e de estabelecer parcerias com equipas de gestão de excelência”, afirmou Bert Janssens, consultor de investimento da EQT IX. A EQT começou a operar em Espanha em 2011 com a aquisição da Parkia. O idealista é a segunda operação realizada em 2020 pela EQT em Espanha, após a aquisição da Freepik em maio.