A Polícia Judiciária (PJ) de Aveiro deteve um homem de 39 anos suspeito de ter ateado intencionalmente três incêndios em ecopontos e num contentor de resíduos sólidos em Ovar, informou esta segunda-feira aquele órgão de polícia criminal.

Em comunicado, a PJ refere que o indivíduo, detido na sexta-feira, ateou os incêndios por ignição direta, visando diversos ecopontos e um contentor, situados no centro urbano da cidade de Ovar, atuando “por motivos fúteis num quadro de forte toxicodependência”.

De acordo com a PJ, só a pronta deteção e combate dos mesmos impediu que as chamas se propagassem e atingissem maiores proporções, pondo em perigo bens patrimoniais de terceiros, nomeadamente, viaturas localizadas nas proximidades.

O suspeito foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de obrigação de apresentações periódicas bissemanais às autoridades policiais, bem como obrigação de tratamento à toxicodependência.