Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O primeiro Cupra Formentor saiu da linha de montagem de Martorell, em Barcelona, e muito mais o irão seguir, uma vez que este SUV com linhas desportivas irá representar 10% da capacidade de produção da fábrica espanhola, de onde saem a maioria dos Seat e dos Cupra, a marca desportiva do construtor espanhol do Grupo Volkswagen.

O arranque da produção foi celebrado por Wayne Griffiths, o novo CEO da Cupra e da Seat, que realçou o facto de o Formentor “ser um grande passo para a Cupra, como o primeiro veículo concebido exclusivamente para a marca, de forma a atingir o objectivo proposto, que passa pela duplicação do volume de vendas”. Griffiths realçou ainda que este novo modelo será oferecido com uma completa gama composta por sete motores, para o adaptar ao maior número de mercados possível, conseguindo simultaneamente garantir que a fábrica de Martorell, em Espanha, continuará a produzir em plena capacidade.

Acompanhado pelo guarda-redes da equipa do FC Barcelona, Marc ter Stegen, embaixador da Cupra, Wayne Griffiths realçou que o novo SUV Formentor vai oferecer motorizações até 310 cv, além de soluções mais amigas do ambiente e da carteira. Referimo-nos aos motores híbridos plug-in (PHEV), que aliam motores a gasolina com unidades eléctricas alimentadas por bateria, com a finalidade de reduzir consumos e emissões. O Formentor PHEV, que será disponibilizado a partir de 2021, possuirá uma potência total de 245 cv, sendo capaz de percorrer cerca de 50 km em modo exclusivamente eléctrico.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR