O ator Thomas Jefferson Byrd, um dos preferidos do realizador Spike Lee, morreu no passado sábado, em Atlanta, alvejado com vários tiros, anunciou o realizador no Instagram falando numa “morte trágica”. Tinha 70 anos.

View this post on Instagram

I’m So Sad To Announce The Tragic Murder Of Our Beloved Brother Thomas Jefferson Byrd Last Night In Atlanta,Georgia. Tom Is My Guy,Here Below You See Him As The Frightening Character Errol Barnes In CLOCKERS. Brother Byrd Also Did His Thang In My Joints- CHI-RAQ,SWEET BLOOD OF JESUS, RED HOOK SUMMER,BAMBOOZLED,HE GOT GAME,GET ON THE BUS,GIRL 6 And CLOCKERS. May We All Wish Condolences And Blessings To His Family. Rest In Peace Brother Byrd.????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????

A post shared by Spike Lee (@officialspikelee) on

Spike Lee prestou homenagem ao ator que disse ser o seu “amado irmão”, e que participou em vários filmes seus como “Clockers”, “Get on the Bus”, “Bamboozled” e “Red Hook Summer”.

De acordo com a BBC, Byrd foi encontrado morto na avenida Belvedere, em Atlanta, no passado sábado. Tinha sido alvejado várias vezes nas costas. De acordo com o porta-voz da polícia de Atlanta, o ator foi dado como morto logo no local e as causas da morte estão agora a ser investigadas.

Também a atriz Viola David expressou o seu choque e homenagem, através do Twitter: “Adorei trabalhar contigo, Byrd. Que bom ator que eras. Sinto muito que a tua vida tenha acabado assim. Rezo pela tua família”, escreveu.

A primeira vez que Spike Lee e Byrd trabalharam juntos foi em 1995, no filme “Clockers”. O ator também participou no filme sobre Ray Charles, em 2004, ao lado de Jamie Foxx.