Johnny Nash, um dos nomes maiores do reggae nos Estados Unidos, morreu com 80 anos na passada terça- feira. Segundo o The Guardian, o seu estado de saúde tinha vindo a piorar, até que acabou por falecer de causas naturais, na cidade onde nasceu, conta o filho Johnny Nash Jr à estação de televisão CBS em Los Angeles.

Natural de Houston, Texas, o artista ficou mais conhecido pela sua canção I Can See Clearly Now que, em 1972, liderou os rankings da altura. Foi graças a esta música que Nash deixou de ser um cantor pop para se afirmar como estrela do reggae.

Contudo, os seus primeiros passos no mundo do espetáculo foram dados nos anos 50, quando começou a fazer covers de canções populares da época, como “Darn that Dream”. Uma década mais tarde tinha já a sua própria gravadora de discos e tornara-se um dos raros cantores reggae nascido na América, uma vez que o estilo musical é proveniente da Jamaica. Chega, no entanto, a ser o primeiro cantor não jamaicano a gravar reggae na Jamaica, segundo o ‘site’ oficial de Nash. É também por esta altura que ajuda a lançar a carreira de um amigo seu que era, nada mais, nada menos que Bob Marley, um dos cantores reggae mais aclamados de todos os tempos.

Trabalhou também como ator e produtor, tendo participado no filme “Take a giant step”, entre outros. O pico da sua carreira foi entre o final dos anos 60, início dos anos 70, quando lançou os hits “Hold Me Tight”, “You Got Soul”, uma versão que antecedeu a “Stir It Up” do Bob Marley, e, claro, “I Can See Clearly Now”, até hoje a sua canção de assinatura.

Segundo escreve o The Guardian, o seu tema mais conhecido terá sido escrito enquanto recuperava de uma operação que fez às cataratas. É por isso uma música cheia de luz e esperança, sobre ultrapassar os maus momentos da vida.

John Lester Nash Jnr era o seu nome completo. Cresceu a cantar no coro da igreja e apenas com 13 anos tinha já o seu próprio programa na televisão de Houston. Uns anos mais tarde, apareceria na televisão nacional em programas da altura, como é o caso de The Arthur Godfrey Show, onde cantou um cover de Doris Day”A Very Special Love”.

Os seus covers de “Stir It Up” e “Guava Jelly” também ajudaram Bob Marley a expor a sua música a uma audiência generalizada. Os dois amigos colaboraram juntos na balada “You Poured Sugar On Me”, do mesmo álbum de “I Can See Clearly Now”.

O seu último álbum saiu em 1986, tendo passado os restantes anos da sua carreira a digitalizar o seu trabalho anterior, algum do qual se perdeu num incêndio que houve nos Estúdios da Universal em Los Angeles em 2008.

Johnny Nash foi casado três vezes e teve dois filhos. “Ele foi um pai maravilhoso e um homem dedicado à família. Amava as pessoas e o mundo. A sua falta será sentida em toda a comunidade. A família era tudo para ele”, disse seu filho ao TMZ, site especializado em notícias de celebridades.