Portugal atingiu na quarta-feira 80,2 casos confirmados de Covid-19 por 10.000 habitantes, um aumento de 16% face a 23 de setembro, revelou esta sexta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Em 44 municípios, a média de infeções por 10.000 habitantes ficou acima do valor nacional, segundo os dados do Destaque esta sexta-feira divulgado.

“A 4 de outubro de 2020, data da última atualização de dados ao nível do município, existiam no país 77,6 casos confirmados de Covid-19 por 10.000 habitantes”, refere o INE.

O número de casos confirmados da doença por 10.000 habitantes foi superior ao nacional em 44 municípios, destacando-se a situação na região Norte e na Área Metropolitana de Lisboa, onde 22 e 12 municípios, respetivamente, registaram um valor acima do país. “Apesar desta diferenciação territorial, o coeficiente de localização estimado para os dias 5 de abril e 4 de outubro sugere uma redução da concentração territorial dos casos e uma disseminação espacial progressiva no conjunto do país”, observa o instituto.

Dos 44 municípios com um número de casos confirmados por 10.000 habitantes superior ao nacional, 30 apresentavam também valores de densidade populacional acima da média nacional. Deste conjunto de 30 municípios, destacavam-se, com mais de 100 casos confirmados por 10.000 habitantes, oito municípios da Área Metropolitana de Lisboa: Amadora (171,0), Loures (157,1), Sintra (148,3), Odivelas (146,3), Lisboa (136,7), Vila Franca de Xira (120,7), Oeiras (103,0) e Cascais (101,9), mas também o município de Ovar (137,7) na Região de Aveiro, os municípios de Lousada (128,5), Paços de Ferreira (108,2) e Felgueiras (105,6) no Tâmega e Sousa, e o município de Vila do Conde (116,4) na Área Metropolitana do Porto.

“Salienta-se, ainda, que 182 dos 308 municípios do país apresentavam um número de casos confirmados por 10.000 habitantes e densidade populacional abaixo da referência nacional”, lê-se na informação publicada pelo INE.

Em 186 municípios, em que reside 76% da população, o número de óbitos entre 31 de agosto e 27 de setembro de 2020 foi superior ao valor homólogo de referência.

A pandemia de Covid-19 já provocou mais de um milhão e sessenta e três mil mortes e mais de 36,5 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP. Em Portugal, morreram 2.062 pessoas entre 83.928 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Portugal registou esta sexta-feira mais 12 mortos relacionados com a Covid-19 e 1.394 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a mesma fonte. Desde o início da pandemia, em março, este é o segundo maior número diário de casos de infeção. O maior foi em 10 de abril, com 1.516.