No passado mês de Setembro, foram comercializados 265.227 veículos novos na Alemanha, 21.188 dos quais eram 100% eléctricos, alimentados a bateria. Isto representa 7,99% do mercado, um crescimento importante face aos 6,4% do mês anterior, mas um salto de 260% quando comparado com as vendas de Setembro de 2019.

A Renault dominou a procura, tendo transaccionado 3603 Zoe, o que lhe permite anunciar 15.730 unidades nos primeiros nove meses do ano, mantendo a liderança neste que é o maior mercado europeu. Incrementou a vantagem para a Tesla, que vendeu 2776 Model 3 (10.121 de Janeiro a Setembro), com o construtor norte-americano a continuar a não ter produção suficiente para satisfazer a procura, pelo menos enquanto contar apenas com os eléctricos fabricados em Fremont, na Califórnia.

A surpresa no ranking dos eléctricos mais vendidos surge logo na 3ª posição, com o novo VW ID.3 a colocar no mercado 1771 veículos (um total de 2263) no seu primeiro mês completo de vendas. Isto apesar de continuar a contar apenas com uma versão de bateria. Outra novidade foi a chegada dos primeiros iX3 da BMW, SUV que é fabricado na China e exportado para a Europa, tendo a marca bávara registado as primeiras 18 unidades.

O resto do top 5 é completado pelo Hyundai Kauai EV, com 1526 unidades no mês e 6610 no ano, seguido do Smart Fortwo (1228 e 5192). Mais atrás na tabela dos mais vendidos é possível encontrar os Model S e Model X, desta vez com o primeiro a vender mais do que o segundo, o que tem tudo a ver com a disponibilidade para entrega, com o Mazda MX-30, outra novidade, a ascender à 13ª posição.