A Polícia Judiciária (PJ) deteve três homens suspeitos de serem os autores de uma dezena de roubos à mão armada em postos de abastecimento de combustíveis e estabelecimentos comerciais no sul do país, foi esta quarta-feira anunciado.

Em comunicado, a PJ indicou que os crimes ocorreram “maioritariamente nos últimos meses, em diversas localidades da região sul do país, tendo sido praticados com recurso a arma de fogo”.

Segundo aquela polícia, os homens, com idades entre os 24 e os 28 anos, foram detidos no âmbito de uma investigação que permitiu recolher indícios para sustentar a emissão de mandados de detenção fora de flagrante delito e de ordens de busca domiciliária.

Os suspeitos vão ser presentes a tribunal para serem ouvidos em primeiro interrogatório judicial.

A investigação está a cargo da PJ sob a direção da secção de Portimão do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP).