Foi uma estreia pouco auspiciosa a do português Ricardo Sá Pinto esta quarta-feira no campeonato brasileiro de Futebol.

O treinador português, recém-chegado ao Vasco da Gama, perdeu em casa contra o Corinthians, depois de o defesa Henrique desviar para dentro da própria baliza um cruzamento do avançado Everaldo, acabado de saltar do banco, justamente aos 90 minutos de jogo.

1-2 foi o resultado final, que mantém assim intacto o recorde do Corinthians, que há dez anos e 19 jogos que não perde contra o clube do Rio de Janeiro. A posição do Vasco na tabela do Brasileirão também continua inalterada: 16 jogos, 18 pontos, 16º lugar, mesmo acima da linha de água que separa os quatro clubes candidatos à despromoção (Athletico Paranaense, Coritiba, Bragantino e Goiás).

O treinador natural do Porto, de 48 anos, entrou com o pé esquerdo num campeonato em que poucos portugueses vingaram. Desde 17 de setembro, dia em que bateu o Botafogo por 3-2, que o Vasco da Gama não ganha. O Internacional de Porto Alegre está no primeiro lugar do Brasileirão, logo seguido pelo Flamengo, pós-Jesus, com os mesmos 34 pontos.