O chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, e o primeiro-ministro, António Costa, estiveram esta sexta-feira no parlamento num almoço que assinalou o quinto aniversário da eleição de Ferro Rodrigues como presidente da Assembleia da República.

“Assinalando o quinto aniversário da primeira eleição como presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues almoçou esta sexta-feira na residência oficial [no parlamento] com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e o primeiro-ministro, António Costa”, refere uma nota enviada à agência Lusa pelo gabinete do antigo secretário-geral do PS entre 2002 e 2004.

Eduardo Ferro Rodrigues foi eleito em 23 outubro de 2015, pela primeira vez, presidente da Assembleia da República, com 120 votos, enquanto o outro candidato a este cargo, o deputado do PSD Fernando Negrão, obteve 108 votos.

Participaram nesta votação os 230 deputados em funções, e houve dois votos brancos. A eleição de Ferro Rodrigues foi recebida com palmas pelas bancadas da esquerda, e aplaudida de pé pelos deputados do PS, com os grupos parlamentares do PSD e do CDS-PP em silêncio.

Na sequência do anúncio do resultado, o secretário-geral do PS considerou que se tratava de um sinal de que o PSD e CDS-PP estavam em minoria e que havia “uma nova maioria de esquerda” na Assembleia da República.

O PSD protestou, alegando que as forças de esquerda tinham “quebrado a tradição” de eleger como presidente da Assembleia da República o candidato proposto pela maior bancada parlamentar.