O quadro “Show me the Monet”, do artista de rua britânico Banksy, arrecadou 8,3 milhões de euros no leilão realizado esta quarta-feira na Sotheby’s de Londres. Foi o segundo preço mais elevado obtido por um quadro do artista em leilão — no topo da lista está “Devolved Parliament”, obra em que Banksy retrata a Câmara dos Comuns com chimpanzés ao invés de humanos e que foi vendida em 2019 por cerca de 11 milhões de euros.

O valor superou as expetativas dos leiloeiros da Sotheby’s, que apontavam para praticamente metade do montante alcançado, sendo que o bastante disputado leilão durou cerca de 10 minutos e, segundo o The Guardian, foi essencialmente protagonizado por cinco colecionadores. O quadro acabou por ser comprado por um colecionador anónimo proveniente da Ásia.

O quadro em questão procura reinterpretar a famosa paisagem de Claude Monet, à qual Bansky adiciona dois carrinhos de supermercado e um cone de sinalização das estradas. Foi concebido em 2005 e pertence a um conjunto de trabalhos em que o artista se apropria de obras canónicas com a assinatura de mestres da pintura — fá-lo dando-lhe um outro significado. Até hoje o artista britânico permanece anónimo.