O PSD/Madeira considerou esta quinta-feira que a adaptação das medidas sociais operada pelo Governo Regional, face à pandemia de Covid-19, se tornou “mais evidente” nos concelhos rurais e com uma população mais envelhecida.

“Os projetos que estão no terreno dão respostas sociais muito importantes às famílias que perderam rendimentos e também à população sénior, que também tem as suas necessidades em termos de cuidados ao domicílio, seja de higiene, de lavandaria ou até de fornecimento de refeições”, afirmou a deputada Cláudia Perestrelo.

A deputada falava no âmbito das Jornadas Locais, uma iniciativa promovida pelo grupo parlamentar do PSD/Madeira, no concelho de Santana, no norte da ilha. Cláudia Perestrelo destacou o “reforço da área social” operado pelo Governo Regional, de coligação PSD/CDS-PP, face à crise pandémica que afeta a região desde março. No concelho de Santana, disse, os projetos foram, em grande parte, lançados por entidades locais em parceria com o executivo madeirense e vão ao “encontro das necessidades das pessoas”.

As Jornadas Locais do PSD visam uma “abordagem de proximidade” nos diferentes municípios da região autónoma e estão inseridas num projeto que teve início na anterior legislatura (2015-2019), denominado “Mais Cidadania, Melhor Parlamento”.

O grupo parlamentar social-democrata pretende “identificar os temas e as preocupações” mais marcantes nas freguesias e concelhos da região, ouvindo autarcas, associações, empresas e outras instituições locais.