A Global Media Group anunciou esta segunda-feira que o Conselho de Administração escolheu Domingos de Andrade para assumir os cargos de diretor-geral editorial e de diretor da TSF. Inês Cardoso será a nova diretora do Jornal de Notícias e Rosália Amorim a do Diário de Notícias. Apesar de ainda se aguardarem formalidades internas, o Conselho de Administração acrescenta que as nomeações têm efeitos imediatos.

Numa altura em que a incerteza domina e os efeitos da pandemia se sentem de forma avassaladora na atividade económica, é com confiança redobrada que o Global Media Group procede a mudanças na estrutura editorial dos seus títulos. Alterações que visam criar uma estrutura mais ágil e mais forte, com uma visão integrada das diferentes plataformas, capaz de liderar um processo de mudança que assegure a entrada numa nova fase do grupo, com um projeto de crescimento e de futuro”, refere o comunicado.

Além do DN, JN e TSF, também já são conhecidos os nomes para os diretores das outras publicações do grupo. Pedro Ivo Carvalho foi o escolhido para diretor da Volta ao Mundo, em acumulação com o cargo de diretor-adjunto do JN, Joana Petiz para diretora do Dinheiro Vivo, e Manuel Molinos será o diretor para o Digital, em acumulação com o cargo de diretor-adjunto do JN.

A faltar estão ainda os pareceres dos Conselhos de Redação, informa o grupo em comunicado, agradecendo aos diretores que estão de saída: “Nesta oportunidade, o Conselho de Administração manifesta público reconhecimento aos jornalistas Leonídio Paulo Ferreira e a Pedro Pinheiro, dois dos principais quadros do Global Media Group que durante largos meses asseguraram com competência, zelo e lealdade a condução das suas equipas, no DN e na TSF.”

Dona do Diário de Notícias, Jornal de Notícias e TSF anuncia despedimento coletivo

Recorde-se que há poucos dias, a administração da Global Media Group havia anunciado um despedimento coletivo de 81 colaboradores, 17 dos quais jornalistas. Justificou-o, na altura com a “crise sem precedentes” e a “profunda quebra de receitas do setor”.