O Monverde Wine Experience Hotel, em Amarante, venceu a categoria de alojamento dos prémios Best Of Wine Tourism, que destacam a inovação e excelência no enoturismo nas dez maiores regiões vinícolas do mundo.

Num ano fortemente marcado pela exigência da excelência e da inovação, esta distinção reveste-se de uma importância ainda maior, uma vez que nos motiva a continuar a apostar em novas ofertas, melhores experiências e objetivos mais ambiciosos para que o Monverde Wine Experience Hotel se mantenha no topo das referências internacionais em enoturismo”, refere Miguel Ribeiro, diretor-geral do Monverde Wine Experience Hotel, citado num comunicado.

O júri internacional constituído por representantes de todas as regiões ou cidades-membro da “Great Wine Capitals Global Network”, distinguiu aquela unidade hoteleira como “Global Winner” e tem por base critérios como a qualidade dos serviços e instalações, a inovação e a originalidade da oferta e o impacto no desenvolvimento do enoturismo e da Região dos Vinhos Verdes.

Em plena Região dos Vinhos Verdes, o Monverde está implantado entre 30 hectares de vinha, disponibilizando 46 unidades de alojamento.

Privilegiando o conforto, num ambiente de contacto direto com a natureza, aquela unidade hoteleira, comunicou em junho, a abertura de um novo segmento premium”, com espaços de uso privativo, num investimento global de dois milhões de euros. À data, em declarações à Lusa, Miguel Ribeiro explicou que foi forçado a adiar a comunicação prevista para março por conta da pandemia de Covid-19.

O novo conceito, que permitiu à unidade hoteleira minimizar as perdas provocadas pela Covid-19, depois de um encerramento forçado, conta com dez suítes com piscina privativa e seis novos quartos premium.

Estas suítes, com 150 metros quadrados entre área interior, jardim e piscina, permitem experiências diferenciadas, mantendo a personalização e exclusividade da oferta, garantindo em simultâneo o conforto e segurança que hoje, devido à pandemia de Covid-19, as pessoas procuram, assinalava o diretor-geral do Monverde, em junho.

Com janelas generosas, vista para os 30 hectares de vinha da propriedade e uma enoteca privativa, os hóspedes podem usufruir de um conjunto de serviços nas suítes, desde as refeições aos tratamentos de SPA.

Com o objetivo de galardoar empresas prestadoras de serviços de enoturismo em cada uma das cidades-membro da Great Wine Capitals Global Network, os prémios Best Of Wine Tourism destacam os melhores nas categorias de alojamento, restauração, serviços ou experiências inovadoras.