Este conteúdo é da autoria da CBRE

Considerando a conjuntura do mercado imobiliário português, a CBRE desenvolveu uma nova área de negócio orientada para este segmento essencial – Small Caps. Esta representa um serviço da consultora, que tem como objetivo, acima de tudo, facilitar, nesta área, diversas operações e apoiar um segmento que está a ganhar expressão, mas ainda com pouca visibilidade.

O surgimento desta nova linha de negócio, para a consultora líder mundial na prestação de serviços para o setor imobiliário, vem no decorrer do crescimento do número de proprietários de imóveis de menor dimensão, um novo target de proprietários associados a transações de menor dimensão, que até à data não se viam apoiados pela empresa.

Nuno Nunes, Senior Director CBRE Portugal

A profissionalização deste serviço na abordagem a investimentos de pequena e média dimensão, cujo valores podem oscilar entre cerca de 500.000€ e 7M€, pretende oferecer uma alternativa de investimento a clientes, quer sejam fundos, family offices, ou até mesmo clientes particulares, que pretendam diversificar o seu portfólio de investimento e considerar possíveis imóveis de rendimento.

A procura dos clientes modificou-se, ganhando diferentes contornos e novas necessidade. Imóveis com diferentes dimensões e novos conceitos mais funcionais são hoje uma tendência incontornável. Tal como outros setores de atividade, também o imobiliário e, consequentemente, a CBRE sentiu necessidade de se adaptar às novas oportunidades que os dias de hoje apresentam.

Para que esta linha de negócio seja consolidada, é fundamental que esta profissionalização de serviço seja assegurada com profissionalismo e expertise. A capacidade de se reinventar e reforçar a aposta junto deste target, traz também novas formas de interação entre compradores, vendedores e mediadores imobiliários.