A capitania do porto do Funchal emitiu este domingo um aviso de má visibilidade para o arquipélago da Madeira, recomendando que as embarcações permaneçam nos portos de abrigo.

“Recomenda-se que os proprietários ou armadores das embarcações tomem as devidas precauções para que estas permaneçam nos portos de abrigo”, pode ler-se na informação divulgada pela autoridade marítima regional.

Este aviso da autoridade marítima regional tem por base as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) sobre a situação geral do estado do tempo para a orla marítima e está em vigor até às 6h00 de segunda-feira. A capitania refere que a visibilidade no mar da Madeira será “moderada, por vezes fraca a má”. Quanto ao vento, vai soprar “fresco a muito fresco, por vezes moderado, rodando para sudoeste a partir da noite”. A ondulação será de noroeste até 2,5 metros na costa norte e até, 3,5 metros na parte sul.

As viagens deste domingo do navio Lobo Marinho entre as ilhas da Madeira e Porto Santo foram canceladas pela concessionária do navio, por considerar que não estavam reunidas as condições para garantir a segurança da embarcação e os passageiros.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou as duas ilhas do arquipélago da Madeira sob aviso amarelo até segunda-feira às 15h00, devido à previsão de “períodos de chuva ou aguaceiros, por vezes fortes, acompanhados de trovoada”.

A situação meteorológica na Madeira pode ser afetada pela tempestade subtropical Theta, tendo o IPMA alertado para a possibilidade de um aumento da intensidade do vento e precipitação contínua.

As previsões deste domingo do IPMA para o arquipélago da Madeira apontam para céu muito nublado, com período de chuva ou aguaceiros, por vezes fortes e acompanhados de trovoadas, em especial nas vertentes sul e terras altas.

O vento será moderado a forte de sul/sueste com rajadas até aos setenta quilómetros/hora, com rajadas que podem ser até 90 quilómetros nas terras altas.