Todas as escolhas do 1.º ciclo do ensino básico do concelho de Idanha-a-Nova, no distrito de Castelo Branco, foram apetrechadas com equipamentos de redes sem fios para melhorar o acesso à Internet, foi esta terça-feira anunciado.

Em comunicado enviado à agência Lusa, o município de Idanha-a-Nova explica que a intervenção decorreu no âmbito no projeto mLAN, que foi implementado em conjunto com a Direção-Geral de Estatísticas da Educação e Ciência (DGEEC).

“Os equipamentos foram instalados nas EB1 de Idanha-a-Nova, Ladoeiro, Zebreira, Penha Garcia e Monsanto, beneficiando ainda os Jardins de Infância que integram estes complexos escolares”, lê-se na nota.

As novas redes de Internet garantem uma melhor cobertura das escolas e possibilitam a ligação simultânea de diversos equipamentos informáticos (computadores, quadros interativos, tablets, entre outros), reforçando a utilização deste tipo de dispositivos na componente letiva.

Citado na nota, o presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, refere que o projeto mLAN “insere-se na estratégia de promoção da qualidade da rede escolar, permitindo a utilização de recursos educativos digitais e de práticas didáticas inovadoras nas salas de aulas”.