A Estrutura de Apoio de Retaguarda para doentes com Covid-19 criada pela Câmara de Paços de Ferreira, no antigo hospital da Misericórdia, recebeu 23 doentes na primeira semana de funcionamento, informou esta quarta-feira a autarquia.

Durante esta primeira semana de funcionamento, esta estrutura recebeu um total de 23 doentes, tendo neste momento internadas 21 pessoas”, lê-se num comunicado do município.

A unidade tem capacidade, nesta primeira fase, para receber até 35 pessoas e destina-se a doentes internados em hospitais do distrito do Porto com a infeção por Covid-19. O equipamento conta, neste momento, com seis profissionais de saúde e 20 auxiliares de ação direta e de serviços gerais, além de uma diretora técnica, “de acordo com os melhores rácios para práticas seguras neste tipo de infraestruturas”.

São abrangidos, segundo a autarquia, “os doentes que não têm condições nas suas casas para cumprir o isolamento obrigatório, ou aqueles que, sendo provenientes de estruturas de apoio social, como lares, não têm ainda condições para voltar à instituição”.

A unidade pode ainda acomodar utentes de instituições sociais onde possam ocorrer surtos de Covid-19.