A bolsa de Nova Iorque iniciou esta quinta-feira 17 de dezembro a sessão em alta, apesar de ter sido registada uma nova subida nas inscrições semanais para subsídios de desemprego nos Estados Unidos.

Às 14h50 (hora de Lisboa), o índice Dow Jones subia 0,44% para 30.285,32 pontos e o tecnológico Nasdaq avançava 0,69% para 12.745,91 pontos.

O índice alargado S&P 500 ganhava 0,60% e estava em 3.723,31 pontos.

Os pedidos de subsídio de desemprego na semana passada subiram para 885 mil, em comparação com os 862 mil da semana anterior, um reflexo do impacto da pandemia de Covid-19.

O aumento de pedidos foi o segundo consecutivo e é a segunda vez desde setembro que os números ultrapassam os 850 mil, um indício da debilidade do mercado laboral, numa altura em que habitualmente se registam mais contratações para o comércio, devido à época festiva.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Em fevereiro, antes dos efeitos da pandemia se sentirem no mercado laboral, as inscrições semanais para subsídios de desemprego eram em média de 205 mil.

Na sessão anterior, a bolsa nova-iorquina encerrou sem uma direção definida, mas com novo recorde do índice tecnológico Nasdaq, depois de uma reunião da Reserva Federal (Fed) que decidiu manter o rumo da política monetária. O Nasdaq bateu o segundo recorde consecutivo, ao subir 0,50% para 12.658,18 pontos, mas o Dow Jones recuou 0,15%.