O ferido grave vítima de um desabamento de um prédio em Lisboa morreu esta segunda-feira, confirmou esta segunda-feira o Centro Hospitalar de Lisboa Central à Agência Lusa.

É já a segunda vítima mortal resultante do acidente. Também o baixista e vocalista da banda Zarco Gastão Reis, de 24 anos, foi encontrado morto nos escombros do prédio na madrugada de 21 de dezembro. 

A 20 de dezembro, um incêndio num prédio de quatro andares, na Rua de Santa Marta, causou um ferido grave e quatro ligeiros, que foram transportados para o Hospital de São José, em Lisboa, e um desaparecido, disseram à Lusa bombeiros e PSP.

Prédio desaba em Lisboa após explosão. Encontrado morto músico que estava desaparecido

Moradores de prédio que ruiu em Lisboa encontraram casa pelos próprios meios

Os sete moradores desalojados após a explosão de um prédio em Lisboa, há oito dias, que causou duas mortes, não pediram ajuda para encontrarem habitação, disse à agência Lusa fonte do município, adiantando que utilizaram “meios próprios”.

De acordo com a autarquia, os moradores não manifestaram junto da Câmara de Lisboa a necessidade de lhes serem providenciados meios alternativos de habitação.

“Os moradores disseram que tinham alternativa pelos seus próprios meios”, acrescentou a fonte.