A Worten Espanha, do grupo Sonae, anunciou esta quarta-feira que vai acelerar o projeto de digitalização naquele mercado e alienar 17 lojas físicas à MediaMarkt, por valor não revelado.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Worten Espanha salienta que “continua o seu processo de adaptação aos novos desafios do mercado, precipitados pela pandemia, e, de olhos postos no futuro, decidiu acelerar a digitalização do seu negócio naquele país, concentrando esforços no canal digital e assegurando uma rentabilidade positiva em 2021″.

A empresa adianta que, “resultado da forte aposta no canal digital, as vendas da worten.es cresceram significativamente nos últimos anos, o que veio acelerar a decisão de focar a operação na loja online e nas 16 lojas físicas com maior rentabilidade”.

A Worten Espanha decidiu “vender 17 lojas à MediaMarkt e encerrar outras 14 lojas”, sendo que “a transação com a MediaMarkt prevê ainda a transferência de 270 colaboradores, o que contribui para preservar 73% dos atuais postos de trabalho”.

Ou seja, a alienação prevê a passagem para a MediaMarkt também dos colaboradores das lojas.

Com a reorganização em Espanha, a Worten mantém um volume de negócios superior a 1.000 milhões de euros e a margem EBITDA [resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações] subjacente aumentará de 5,2% (registados em 2019) para mais de 6,5%, segundo a empresa.

“No atual contexto de transformação do setor, acelerada pela atual crise pandémica, decidimos fazer mudanças estruturais, para garantir resultados operacionais positivos em Espanha em 2021”, afirma o country manager da Worten Espanha, José Vieira de Almeida, salientando que “esta mudança não afeta a continuidade ou independência” do negócio naquele mercado.

A partir de agora, a Worten Espanha estará concentrada “em servir os clientes da forma mais eficiente, através do online e das lojas físicas que melhor se adaptam ao nosso modelo omnicanal em Espanha”, referiu, citado no comunicado.

A aquisição prevista de 17 lojas Worten em Espanha encaixa-se perfeitamente nos nossos objetivos estratégicos de ser a primeira escolha como retalhista de confiança para soluções personalizadas num mundo orientado para a tecnologia”, afirmou, por sua vez, o diretor-geral da MediaMarkt Iberia, Alberto Álvarez Ayuso, citado também no comunicado.

“O acordo proposto também reflete a nossa aposta clara num compromisso com o modelo omnicanal, com 17 novas lojas para impulsionar as nossas vendas online com novos pontos de entrega e recolha de compras feitas online”, concluiu o responsável da MediaMarkt Iberia.

A transação aguarda a aprovação por parte da Comissão Nacional dos Mercados e da Concorrência espanhola e deverá concretizar-se no primeiro trimestre de 2021.