A Biblioteca Municipal Vergílio Ferreira, em Gouveia, está a disponibilizar um serviço de take away literário, para que os seus utilizadores continuem a ter acesso aos livros durante o confinamento devido à Covid-19, foi esta segunda-feria anunciado.

A Câmara Municipal de Gouveia explica em comunicado que numa altura em que a comunidade “precisa de ser forte, coesa e resiliente”, a Biblioteca Municipal Vergílio Ferreira, apesar de ter o seu espaço encerrado, oferece a possibilidade de os utilizadores continuarem a ler, de forma gratuita.

A Biblioteca Municipal de Gouveia, no distrito da Guarda, assegura o empréstimo domiciliário de livros, que podem ser requisitados via telefone (238 490 230) ou por email (bibliotecamunicipal@cm-gouveia.pt).

As obras literárias solicitadas serão posteriormente entregues à porta da biblioteca, “em data e hora agendada com o utilizador”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“Os leitores telefonam ou enviam email, indicando as obras de que necessitam, estas são devidamente higienizadas e entregues ao utilizador, cumprindo as regras de distanciamento, em data e hora previamente combinadas”, explica a autarquia de Gouveia na nota.

A fonte refere, ainda, que os prazos de devolução dos livros foram alargados, “tal como o número de documentos que é possível requisitar, de maneira a que nunca falte leitura àqueles que a procuram”.

A pandemia de Covid-19 provocou, pelo menos, 2.022.740 mortos resultantes de mais de 94,4 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 8.861 pessoas dos 549.801 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.