Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A partir desta quinta-feira, o carregamento de veículos elétricos na rede pública passa agora a ser feito de forma 100% digital com a Miio. Através da aplicação para smartphones da start up portuguesa, deixa de ser necessário recorrer a um cartão físico para se carregar um veículo elétrico na rede pública nacional gerida pela MOBI.E.

Em comunicado, a Miio esclarece que a opção de carregamento de um veículo elétrico na rede nacional de forma completamente digital estará disponível em mais de 2000 postos de carregamento, sem que seja necessário recorrer a um cartão de carregamento físico, algo que não acontece com mais nenhuma outra solução disponível no mercado.

Com isto, a empresa pretende “proporcionar maior conveniência para os proprietários e utilizadores de veículos elétricos, tornando a experiência de carregamento na via pública cada vez mais simples e cómoda para o condutor”, lê-se na nota.

Além desta nova funcionalidade, a app também disponibiliza aos utilizadores de veículos elétricos informações essenciais sobre onde encontrar os postos de carregamento, qual a sua potência, se estão disponíveis e funcionais, qual o preço, entre outras informações.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Lançada há menos de dois anos, a Miio é também a única aplicação que permite ao utilizador obter um preço agregado e comparável com tarifários de outros CEMEs (Comercializadores de Eletricidade para a Mobilidade Elétrica). A aplicação também notifica o utilizador sobre o estado e duração do carregamento, ajudando no controlo de custos.

“Os cartões de carregamento estão sempre suscetíveis a extravios e a serem perdidos, roubados ou partidos. Demos um primeiro passo na simplificação e transparência do carregamento, depois de percebermos que o utilizador não tinha controlo sobre o preço, duração do carregamento, estado do carregamento e kWhs consumidos. Com a app da Miio, o utilizador passou a ter acesso à monitorização do carregamento em tempo real e agora essa experiência passa a ser 100% digital”, realça Daniela Simões, co-fundadora da Miio, cita o comunicado.

A aplicação da Miio pode ser descarregada gratuitamente na Play Store e Apple Store e também tem disponível uma versão Web.